Pesquisar
Close this search box.

Três bairros para circular neste domingo

O projeto Circular Campina Cidade velha completa 10 anos, mais exatamente na edição 48, no primeiro domingo de dezembro, e até lá a gente segue celebrando, compartilhando experiências, fazendo novas conexões, ações e movimentos que ocupam e dão mais vida ao centro histórico de Belém. Desde 2013, sempre nos meses de abril, junho, agosto, outubro e dezembro, convidamos todos, no primeiro domingo, a circular pelos bairros do Reduto, Campina e Cidade Velha.

A 45a edição conta o com patrocínio do Banco da Amazônia, Governo Federal, e apoio da Fumbel, prefeitura de Belém e Secult, Governo do Estado, que agregaram ao circuito novas opções que geram trabalho a produtores e artistas, por meio de ações patrimoniais, sonoras e criativas, voltadas para adultos e crianças, assim como oferecem aos circulantes uma experiência turística cultural tipicamente paraense.

Seguem aqui algumas dicas para fazer no bairro do Reduto. Chegue no Arraiá da Vila Prana, na Rua 28 de Setembro, 913, esquina da Tv. Rui Barbosa. Lojas abertas, puxirum no meio da rua, a festa vai até 16h. Também no Reduto, conheça o Espaço Vem que está completando 5 anos com uma programação que envolve música, gastronomia e muita economia criativa. Fica na Rua Ó de Almeida, 1083 (entre Rui Barbosa e Benjamin).

No bairro também estarão abertos com programação, a Casa do Fauno, na Aristides Lobo, o Casa Stúdio Bohho, na Rua Tiradentes, n. 16; o Antonieta Hostel, Café e Bistrô, que fica na Governador José malcher, com Rui Barbosa, o Memorial Padre Bruno Sechi, que também estará aberto para visitação, na Rua Municipalidade, 489 (Chaminé na Companhia Belém Academia). A partir das 09h haverá apresentações artísticas com crianças atendidas pelo Movimento República de Emaús e visitas livres.

Outra boa opção para a garotada é a casa dos Palhaços Trovadores, que oferece pela manhã oficinas circenses, a partir das 10h, além de Feirinha de Artesanato que vai ficar aberta até 17h e apresentação artística da leitura dramática do espetáculo Lapsus, com Mario Zumba e Marton Maués (pague quanto quiser).

BAIRRO DA CAMPINA

Na Campina, também estarão abertos, com programação, a sede social da Assembleia Paraense, na Presidente Vargas; o Casarão da Fotoativa, na Praça das Mercês, onde haverá uma programação especial que começa pela manhã e segue até às 18h com exposição 4 Olhares, dos artistas Gyselle Kolwalsk, Mariana Rossy, Viny (Vinicius Nascimento) e Luiz Felipe Furtado, além de oficina de fotografia e comidinhas.

A Casa Igá, na Frei Gil, 215, abre ara o almoço e na Cas’Amazônia Brasil, na Campos Sales com a Carlos Gomes, haverá visitas guiadas e roda de bate papo. No Centro Cultural da Justiça Eleitoral do Pará – CCJE, na João Diogo, com a 16 de Novembro, seguem duas exposições; o Comitê Arte Pela Vida leva a Mercado de Carne do Ver o Peso, uma super programação musical, fazendo o esquenta para o festival Sonido; além do Espaço Valmir Bispo e Atelier Jupati que ficam num casarão centenário na Padre Prudêncio, 681 (entre Carlos Gomes e Gama Abreu).

Também vai abrir a Kamara Kó, que traz a Exposição de Câmeras Obscuras, produzidas a partir da reciclagem de papelão e dotadas de um dispositivo óptico [lupa] e mini-oficina: Câmera Híbrida, do analógico ao digital, das 10h às 12h e das 14h às 16h, com inscrição. Fica na Tv. Frutuoso Guimarães, 611; o Mironga Bar, na Praça Barão do Rio Branco, com música e economia criativa; o Restaurante Dona Joana, na Campos Sales.

BAIRRO DA CIDADE VELHA

Entre as opções híbridas da edição está o Espaço Gastronômico Pimenta na Cuia, que fica na Rua Rodrigues do Santos, 186, na Cidade Velha. Abre a partir das 11h com a exposição “ArteArFogo”, de Roberta Mártires e segue com ambiente musical do Controlista Sonoro Moriel e o Fabuloso Mancha Negra, culminando pratos tipicamente amazônicos para o almoço.

Na Cidade Velha, confira ainda o que vai rolar nos espaços Amazônia Artensal, que fica ao lado da igreja da Sé; o Casarão do Boneco, que tem programação de contação de histórias pela manhã, a partir das 10h, e segue pela tarde, com oficina de jogos teatrais, às 14h, com Leonel Ferreira, e roda de conversa sobre a Lei Paulo Gustavo, às 16h. Tudo encerra às 18h, com performance de Maurício Franco e Fafá Sobrinho.

O Coletivo Aparelho ocupa com arte e música o Mercado do Porto do Sal, no final da rua Gurupá. A Confraria do Fraga também estará aberta, na Veiga Cabral, assim como o bar e restaurante do Rubão e a Varanda do Axé, ambos na Gurupá, e o Papel da Amazônia e Atelier do Zoca, na Rodrigues dos Santos, com a Gurupá. Todos os museus do Sistema Integrado de Museus, no Complexo Feliz Lusitânia, e Memoriais, incluindo aí, o da Navegação, no Mangal das Garças. Também estará aberto à visitação, das 9h às 13h, o Solar Barão do Guajará, em frente à Praça D. Pedro II.

Serviço

45ª Edição do Circular Campina Cidade Velha. Neste domingo, 4 de junho, das 8h às 20h, com opções culturais para todos os gostos e idades. Confira mais detalhes da programação em cada espaço no @circularcampinacidadevelha, no Instagram.

4edded_c2dddabf50484ce0a4c3f06180c0fc34~mv2

45o Circular com novidades e clima junino

11 meses atrás

3fbbcb_a0a347cbc7674a5c8774870b2020d7f3~mv2

A fotografia cênica nos anos 80 e 90

3 anos atrás

4edded_50d14385ea3c4d799c18f3b9d3ce3d54~mv2

Circuitinho histórico para crianças no 43º Circular

1 ano atrás

4edded_46845b0b60174f86ae2003a7d15b6392~mv2

Junho com samba, carimbó e guitarrada

11 meses atrás

3fbbcb_ff1c24eb171a40e8a2bfc8573500ab1f~mv2

29a edição traz diversas opções neste domingo

4 anos atrás

02dc69_a8ad72ace7cb45a49b8cee01e6fe2174~mv2

Circular realiza sua 40ª edição

2 anos atrás

Assine nossa news e receba todas as novidades sobre o Projeto Circular