Pesquisar
Close this search box.

Circular movimenta o domingo no centro histórico

Vila Prana, ocupa rua no Reduto Foto: Cláudio Ferreira

Logo após as férias, o domingo, 7 de agosto, o centro histórico de Belém ficará movimentado com a realização da 41ª edição do Circular Campina Cidade Velha, que reúne mais de 20 espaços culturais, entre ateliês, restaurantes e espaços colaborativos, que abrirão suas portas com vasta programação cultural, ou simplesmente te oferecendo um cantinho muito agradável pra bater aquele papo com os amigos e família.

São três bairros envolvidos, além da Campina e da Cidade Velha, também o bairro do Reduto, e cerca de 5 a 8 mil pessoas que costumam circular durante todo o domingo, das 8h às 20h, participando de feirinhas criativas, oficinas, exposições, apresentações de debates sobre a importância do patrimônio cultural. A programação completa pode ser acessada no site www.projetocircular.org ou pelas redes sociais @circularcampinacidadevelha.

Uma novidade na edição é o projeto Circular Apresenta, que levará à praça das Mercês, neste domingo, os shows “O Mercado do Choro convida Karen Tavares e Olivar Barreto”, às 17h, e Pio Lobato, às 19h. A ação tem apoio de emenda parlamentar via Fundação Cultural do Pará, Governo do Estado e Associação Namazônia, além da parceria com a Associação Fotoativa.

O domingo pode começar de diversas formas, mas para quem quiser caminhar, a dica é colar no Roteiro Geo-Turístico, cujo passeio sairá às 8h, da Avenida Portugal, com a rua 13 de Maio, em frente ao antigo Museu do bonde e seguirá pelas ruas do bairro da Campina: Rua João Alfredo – Travessa Frutuoso Guimarães – Rua Campos Sales – Arquivo Público do Pará – Igreja Nossa Senhora dos Homens Preto – Fábrica Palmeira – Igreja de Santana – Rua Santo Antônio – Igreja de Santo Antônio.

Entre as diversas opções oferecidas pelos espaços envolvidos, no bairro da Cidade Velha, está a Confraria do Fraga, que há um ano situa-se no centro histórico de Belém, ocupando um casarão na Rua Veiga Cabral, 439, e que participa pela primeira vez do circuito. O espaço é de Eudes Fraga, um cearense de Quixadá apaixonado por Belém, compositor de sucessos nacionais com diversas parcerias renomadas no currículo.

Entre tantas atrações no campo da arte e da economia criativas destacamos duas ações, na Kamara Kó Galeria, a exposição Eu Vejo, da fotógrafa Irene Almeida, dando sequência ao projeto Experiência Curatorial 2022, sob a curadoria de John Fletcher. Paraense atuante no campo da fotografia, na produção cultural e curadoria há mais de dez anos. Ela foi a primeira fotógrafa a trabalhar com o Projeto Circular (2013-2016). Vale conferir, na Kamara Kó Galeria , que fica na Trav: Frutuoso Guimarães 611, entre Riachuelo e Gen. Gurjão, das 10h às 17h.

Também na Campina, o Espaço Cultural Valmir Bispo Santos lança uma campanha para apoio a manutenção e serviços que precisam ser feitos no espaço, um casarão centenário, localizado na Padre Prudente, 681 (entre Carlos Gomes e Gama Abreu). Durante o domingo haverá também uma feirinha de arte criativa e fotografia, do ateliê Jupati, música e almoço da Toró Gastronomia. Às 10h haverá um bate papo sobre patrimônio cultural, com mediação de Doroteia Lima.

Foto da exposição “Eu Vejo”, de Irene Almeida, abertura na Kamara Kó

Já no bairro do Reduto não tem erro, nesta edição dois espaços estarão com as portas abertas, a Casa do fauno, que oferece a já tradicional feijoada , ao molho de muito samba, tendo como atração, neste domingo, 7, Bilão e convidados. Quem quiser chegar cedinho, a casa também oferece um super café da manhã.

O outro espaço, você multiplica em dez. A Vila Prana, um empreendimento colaborativo, que uniu diversos profissionais. São várias situações de bem estar oferecidas, ao longo do domingo, por seus diversos parceiros, aliados da cultura sustentável, entre eles, o Laboratório da Cidade, que tem como uma de suas expertises a ocupação de espaços públicos, fazendo da via pública uma grande rua de lazer, confira das 10 às 16h, na Rua Vinte e Oito de Setembro, 913 – Esquina da Trav. Rui Barbosa – Reduto.

Roda de conversa no Espaço Valmir BIspo
3fbbcb_f7025b6e83ec4499ac4d9956ad7ea4d0~mv2

Lives sobre memória e cultura alimentar

4 anos atrás

3fbbcb_55bf8a5f34574068bfce1172ee5886b9~mv2

Praças históricas de Belém passam por obras

4 anos atrás

3fbbcb_1a227cbb9af04f55b2c32a59ccf5e611~mv2

Exposição traz fotografias e documentário

4 anos atrás

3fbbcb_a448fee15388450b95aff10a060e2819~mv2

Convocação para assembléia do Circular

1 ano atrás

Foto: Otávio Henriques

“A pele que habito” abre o 2º Fórum Circular

4 anos atrás

Fotos: Otávio Henriques

Sociedade civil exige diálogo e o direito à cidade

3 anos atrás

Assine nossa news e receba todas as novidades sobre o Projeto Circular